Telmo de Lima Freitas

Azulzinha Tentação

Play

Como faz bem tomar um gole desta canha
Azulzinha, da cor do céu
Minha nossa quando passa pela guela
Da vontade de dá um tapa no chapéu
Essa flor de Santo Antônio de Patrulha
Que se orgulha, e num copito faz colar
E um gole é dois gole e é três gole
Que a gente engole sem vontade de parar
Mas existe um pormenor de fundamento
Que a gente nunca deve se esquecer
Se beber meio demais ela pega
Sem piedade do que pode acontecer
Mas como é bom tomar um gole desta canha
Azulzinha, tentação
Mas se não abrir "os zólho" ela nos peala
E quando se acorda esta no chão
Como faz bem tomar um gole desta canha
Azulzinha, tentação
Minha nossa quando passa pela güela
Da vontade de dá um tapa no chapéu
Mas como é bom tomar um gole desta canha.