Teixeirinha

Meu Pedaço de Chão

Meu pedaço de chão
--------------------------------------------------------------------------------

Quanta saudade do luar da minha terra
Do meu ranchinho na serra
Dos passarinhos cantando
Jamais esqueço o meu pedaço de chão
Da roça e da plantação
Que um dia eu deixei chorando

A tarde cai
Vem a noite a madrugada
Uma vida atropelada
Que a cidade me oferece
Por isso eu lembro
Todo o dia e toda hora
O que eu deixei em outrora
Meu coração não esquece

A companheira
Que de lá veio comigo
Quero acalmar não consigo
Tenho que chorar com ela
Nós comentamos
O tempo de namorado
Ela relembra o passado
Quando foi moça donzela

Cidade grande
A gente não tem vizinho
Não tem aquele carinho
Da vida do interior
Destino ingrato
Que me trouxe prá cidade
Só prá e viver de saudade
Com você meu grande amor

Adeus amigos
Que não esqueço jamais
Prá lá eu não volto mais
Mas uma coisa eu garanto
Enquanto eu for
O cantor de tanta gente
Na lembrança esta presente
O luar que amo tanto

Adeus sabiá
Cantador da verde mata
Foi com a tua serenata
Que eu aprendi a cantar
Vim prá cidade
Aprender mais por aqui
Mas só o que eu aprendi
Foi de saudade chorar

Play