Teixeirinha

Chimarreando Sozinho

Play

Minha cuia aparelhada
Com bomba de ouro e prata
Tem as iniciais da ingrata
Que chimarreava comigo
Antigamente era dois
Quando amanhecia o dia
E tomava com alegria
Este chimarrão amigo

Ai... minha cuia aparelhada
Prá nos dois não resta nada
Ela nos abandonou
Ai... chimarreio tão sozinho
Como faz falta o carinho
Da mulher que nos deixou

Minha cuia quando sentas
Na concha da minha mão
Traz tanta recordação
Da minha chinoca linda
A erva que tanto amarga
A saudade amarga mais
Quando leio as iniciais
Na cuia que resta ainda

Ai... minha cuia como é triste
Nada mais prá mim existe
Sem ela não sei viver
Ai... no teu bojo cuia amiga
Vejo a dor que me castiga
E dela não posso esquecer

Minha cuia um segredo
Vou te confessar agora
Porque razão foi embora
Minha chinoca fazeira
Foi porque uma outra china
Invejou nosso viver
Fez eu trair sem querer
Mi nha fiel companheira

Ai... minha cuia que saudades
Só resta a infelicidade
O que o destino me fêz
Ai... se um dia a mágoa passar
De mim ela vai lembrar
E voltará outra vez.