Peixe Solúvel

Desaparecer 200 Vezes

Play

Como posso me reconhecer
Se não me lembro de um dia ter me conhecido?
Desaparecer duzentas vezes foi o que eu quis
Por tantas vezes dei um tiro no meu nariz
Onde eu não devia, sei lá porquê

Ela, sorrindo, me ofereceu uma maça
Já ouvi essa história antes
Quem sabe, depois de amanhã
Eu volte a ser o que eu era?

As coisas que eu não tive flutuavam ao redor
Insistem em acreditar que se ela estivesse, tudo ia ser melhor
Melhor não atender o telefone nunca mais
Fazer outras promessas pra quebrar, mas dessa vez...
Menos banais