Luiz Melodia

Jeito Danado

Quando escuto um xote, um xaxado
Um côco, um dobrado, um samba-canção
Estimula meu jeito danado
É coisa que bole com meu coração
Encanto que fica no ar
Deixando somente alegria
Doce mistério que me faz sonhar
Assim mergulhei no fundo
Da alma, na vida da música
E daí em diante
Nunca mais eu parei de cantar, nunca mais
Nunca mais, nunca mais eu parei de cantar, nunca mais
Nunca mais, nunca mais eu parei de cantar

Play