Icaro Dias

As Lágrimas

Senhor, querem me afastar do teu amor
Lançam pedras no caminho, tentam me parar
Não vou, me desanimar
Essa luta é passageira
Minha vitória chegará
Eu estava à beira do caminho perdido e sem ter aonde ir
Sem solução pros meus plobremas
Achava que aquele era o meu fim
O mestre olhando nos meus olhos
Me disse: meu filho, não temas
Te mostratei a herança que te prometi

As lágrimas que que escorrem do teu rosto eu enxugarei
Eu jamais te deixarei
És meu filho amado em quem me alegrarei
E sobre ti, derramarei da minha unção
Te farei um campeão
Servo, justo segundo o meu coração

Eu estava à beira do caminho perdido e sem ter aonde ir
Sem solução pros meus plobremas
Achava que aquele era o meu fim
O mestre olhando nos meus olhos
Me disse: meu filho, não temas
Te mostratei a herança que te prometi

As lágrimas que que escorrem do teu rosto eu enxugarei
Eu jamais te deixarei
És meu filho amado em quem me alegrarei
E sobre ti, derramarei da minha unção
Te farei um campeão
Servo, justo segundo o meu coração

Play