Habagaceira

Vontade

Havia alguém sentado
Para entender a vida, parada
Ou pra merecer castigo
De esperar pra nada

Havia alguém sentado
Para entender a vida, parada
Ou pra merecer castigo
De esperar pra nada

Sem chegada, despedida
Sem maldade, sem saída

Ou pra desculpar a raiva
De não ir lutar por nada

Sem vontade, sem medida
Sem saudade, sem saída

Além de não ter
Vontade de olhar pra trás
Além de não ter
Vontade de olhar pra trás
Além de não ter
Vontade de olhar pra trás
Além de não ter
Vontade de olhar pra trás

Ou pra desculpar a raiva
De não ir lutar por nada

Sem vontade, sem medida
Sem saudade, sem saída
Além de não ter
Vontade de olhar pra trás
Além de não ter
Vontade de olhar pra trás
Além de não ter
Vontade de olhar pra trás
Além de não ter
Vontade de olhar pra trás