Fundo de Quintal

Vem Sambar, Vem Sambar

ÔÔÔ, diga ai e vem pra cá
Vem sambar.
Pra não marcar
Que o partido alto não pode faltar

Vem sambar. vem sambar, vem sambar,
Vem pra cá bem devagarinho.
Chega bem de mansinho
na roda de samba, pra não vacilar
Vem pra cá, vem pra cá, vem pra cá, vem sambar
Vem devagarinho, chega bem de mansinho
na roda de samba, pra não vacilar

Roda na roda de samba, que o samba é de bamba
Não é corda bamba
Quem samba no samba, no samba
Quem entra no samba não vira a caçamba

Olha que o samba é rasgado. e malandreado
Não perde o compasso
Tem partido alto, tem samba dolente
Tirando a tristeza do peito da gente

ÔÔÔ, diga ai, vem pra cá
E vem sambar, pra não marcar
Que o partido alto não pode faltar

Bamba que é bamba de fato
Tá sempre no passo não tem embaraço
Se anda direito, merece respeito
Tem alma perfeita e não desafina

E sempre na madrugada,
Eterna morada, faz sambas e rimas
Faz Partido alto, faz samba dolente
Tirando a tristeza do peito da gente.

Play