Fundo de Quintal

Receita da Sorte

Olhar de secar pimenteira
Não vai me secar
Bate três vezes na madeira
Pra que, isolar

Um bom galho de arruda
Sempre ajuda a clarear
Pra quem tem fé, guiné
No bolso um patuá

Se a coisa anda torta
Ferradura atrás da porta
Se caiu quebrou o espelho
Pega no pé de coelho

Se não sabe como entrar
Pé direito é o de pisar
Se feliz deseja ser
Ache um trevo pra colher

Fizeram um trabalho bem feito
Jogaram pra cima um sanhaço
Não pega em quem leva no peito
A velha corrente de aço

Axé, eu quero axé
E todo mundo quer
Axé, eu quero axá
Pra melhorar

A força do pensamento
É quem traz bom vento
E faz positivar
Olhar de secar pimenteira

Não vai me secar
Bate três vezes na madeira
Pra que, isolar
Um bom galho de arruda
Sempre ajuda a clarear

Pra quem tem fé, guiné
No bolso um patuá
Bota banca e roupa branca
Quando o ano começar
Pra quem tem fé, guiné

No bolso um patuá
Passa a figa, cruze os dedos
Que o seu dia há de chegar
Pra quem tem fé, guiné
No bolso um patuá

Axé, eu quero axé
Todo mundo quer
Axé, eu quero axá
Pra melhorar

A força do pensamento
É quem traz bom vento E faz positivar

Play