Danubio Azul

Hino Nacional Dos Cachaceiros do Brasil

Parceiro me dá licença mas preciso me benzer,
Arado não lavra sem boi e eu não canto sem beber,
Atraco uma talagada, me dá um traga de água benta,
Num lisão de canha pura pra nós regular a lenta.
Certa vez eu fiz promessa de deixar a canha em paz,
Mas me esqueci da palavra e cada vez eu bebo mais,
Eu sei os dez mandamentos eu rezo e tiro o chapéu,
O corpo se vai pro chão e a alma se vai pro céu.

Eu bebo dez, eu bebo cem, eu bebo mil,
A minha casa é um alambique eu morro dentro do barril,
Eu bebo dez, eu bebo cem, eu bebo mil,
Esse é o hino nacional dos cachaceiros do brasil.

Parceiro sou biriteiro me sirva sem cerimônia,
Diz que a cachaça da sono e eu tô sofrendo de insônia,
Num concurso de pinguço, sou eu quem escrevo o exame,
Vou ficar muito rico se eu vender meu vasilhame,
E a mulher pra me agradar toma banhos de licor,
Mulher com cheiro de pinga dá mais tesão pro amor.
Fui batizado com mé, na festa dos bodegueiros,
E canto de quatro pé o hino dos cachaceiros.

Eu bebo dez ...

Play