Daniel

Paixão Caipira

Vou pela estrada da minha saudade e só por ela eu posso voltar
Pelas paisagens do meu pensamento,
Sou canção ao vento, viola ao luar
O tempo passa mas não modifica,
Meu coração sabe aonde é o meu lugar
Do peito brota essa paixão caipira, cachoeira vira lágrimas no olhar
Do peito brota essa paixão caipira, cachoeira vira lágrimas no olhar
Meus tempos de menino, nadar e jogar bola
Primeira namorada, o primeiro beijo na porta da escola
Meu pai me ensinando, o meu primeiro acorde
E uma canção antiga que até hoje guardo na minha memoria
E onde estão meus estimados companheiros
Se foram tantos janeiros desde que eu deixei meus pais
Adeus lagoa, poço verde da esperança
Meu tempinho de criança que não volta nunca mais
Meu filho até parece que foi ontem
Vi cada passo que você andou...
Milhões de sonhos brilhando em seus olhos, feito pirilampo,nunca se apagou
O tempo passa mas não modifica, a fé não cansa, então vamoscantar
Do peito brota esta paixão caipira, cachoeira vira lágrimas no olhar
Do peito brota esta paixão caipira, cachoeira vira lágrimas no olhar

Play