Daniel e Samuel

O Homem Mau

Com as suas pr?prias m?os
Foi o barro amassando, com carinho foi formando
Sua bela cria??o
Intelecto racional, obra prima original
Semelhan?a do seu criador
Deu lhe vida e confian?a
E a terra como heran?a

Seu excesso de vontade
Com o seu nome em liberdade
Livre arb?trio ele deu
Mas atr?s dessa bondade
Para praticar maldade
Sempre o homem se escondeu
Ensinou a amar a todos
Mas os seus ensinamentos
O homem n?o aprendeu
Este ? meus mandamentos
Mas o homem se vai cego
Fingindo que nunca leu
O seu filho o enviou
E o homem se mostrou pior
Sem motivo condenou
E o crucificou sem d?

Fez a bomba nuclear
Usa o seu poder de fogo
E da vida faz um jogo
De morrer e de matar
Criminoso, reincidente
O que era pra ser gente
? o pior dos animais
Gastam seus milh?es em guerra
Aumentando o mal na terra
E diminuindo a paz
Com o ego exaltado
Adultera resultados
E engana seu irm?o
Usa a sua influ?ncia
Posi??o e impon?ncia
Pra fazer corrup??o
Contraria a lei divina
E o pecado patrocina
Pervertidos, imorais
V?cios, drogas e orgias
Avareza, idolatria
Deus j? n?o suporta mais
Mas o que est? marcado
O homem mal ser? jugado
Pelo o que ele fez aqui
Com decreto irrevog?vel
Veredito incontest?vel
Cristo j? est? vindo ai

Com decreto irrevog?vel
Veredito incontest?vel
Cristo j? est? vindo ai

Play