Daniel Fernandes

Louvação

Play

Quando o sol se põe a lua vem tomar o seu lugar
A tarde vermelha não mais espelha no azul do mar
É quando o jangadeiro parte pro seu eterno arrastão
Levando na rede a esperança de ter fé nesta louvação
De ter fé nesta louvação

Ai que coisa mais linda é o por do sol de verão
Cantador de repente, xote e baião
Praça do interior sem fumaça no céu
Miçangas da Bahia águas do macaréu

E quando a sexta-feira chega
Iluminando os terreiros de meu pai
Pescador confia em seus Orixás
E agradeça a Deus as riquezas do mar
Do mar...do mar (bis)