Crioulo Dos Pampas

Botando Pra Quebrar

Venho louco pra cantar, o povo louco pra me ver
Quem ainda não me conhece agora vai me conhecer
Trago Deus no coração, mas endiabrado pra valer

Eu boto pra quebrar, eu boto pra derreter..!

Eu não sou mais do que os outros, nem menos do que ninguém
Aqui tem café no bule todo mundo sabe bem
Se não for da minha turma não embraca no meu trem.

Eu boto pra quebrar, eu boto pra derreter..!

O coco tem casca dura, mas tem água no miolo
Diz que tem homem boiola, meio pau, meio tolo
Eu nasci d euma mulher, mas mulher é meu consolo
Eu boto pra quebrar, eu boto pra derreter..!

Nos luares que eu chego se alguém me desafia
Eu dou dobre na parada, até os versos me atrofia
E quem jogar contra mim sai de guaiaca vazia.

Eu boto pra quebrar, eu boto pra derreter..!

Chego e boto pra quebrar espalhando energia
Toco, canto, grito e pulo até o clarear o dia
Quando eu saio deixo o povo entupido de alegria.

Eu boto pra quebrar, eu boto pra derreter..!

Play