Claudia Baptista

Mãos Inocentes

Os cravos transpassaram suas mãos
Só para me livrar de escuridão
Mas somente ele sabia que era
Para me dar vida
Cada gota de sangue que caiu ao chão
Hoje eu sei que não foi em vão
Foi para me dar vida
Hoje tenho alegria, hoje tenho salvação

Mãos inocentes, são as mãos do meu jesus
Mãos que foram pregadas, naquela rude cruz
Mãos ensanguentadas, pelos meus pecados
Mãos que tirou-me do mundo de pecado

Sem perguntar ele se entregou
Só para provar o seu grande amor
Amor maior no mundo
Que não negou nenhum segundo
Não cegou que me amava
Porque o pai com ele estava
Se queres prova deste amor
Olhe nas mãos do senhor
Que ainda estão as marcas

Play