Chico Rey e Paraná

Sonho de Um Sertanejo

O que o sertanejo sonha
É viver e ser feliz
Num pedacinho de terra
Num lugar do seu país
Uma casa com varanda
Na beira de um ribeirão
Para contemplar a noite e o luar do seu sertão

Ouvir passarinhos cantar de manhã
Fazendo alvorada na sua janela
Montar a cavalo e caminhar no campo
Se molhar de orvalho abrindo a cancela
Bancos de madeira pra sentar lá fora
E uma viola ao anoitecer
Ver a Lua cheia clarear o mundo
Pra muitos é nada mas pra ele é tudo
Ver o sol surgindo ao amanhecer

Ter um alguém do seu lado
Sua deusa prometida
Pra regar o seu jardim
E florir a sua vida
E uma canoa de remo
Para os dois poder pescar
Sentir a brisa do rio
Ser feliz neste lugar

Ouvir passarinhos cantar de manhã
Fazendo alvorada na sua janela
Montar a cavalo e caminhar no campo
Se molhar de orvalho abrindo a cancela
Bancos de madeira pra sentar lá fora
E uma viola ao anoitecer
Ver a Lua cheia clarear o mundo
Pra muitos é nada mas pra ele é tudo
Ver o sol surgindo ao amanhecer

Play