Chico Rey e Paraná

Gaiolas Iguais

Fomos água do mesmo frasco
Gotas de um mesmo licor
Um para o outro nascemos
Perfeitos amantes, loucos de amor.
Ela foi a minha pequena
E eu fui seu passarinho azul
Até que a tal liberdade soprou
Minhas asas navegar noutros mares eu fui.

E hoje ela me ama e eu sou louco por ela
Daria a vida para tê-la aqui
Mas o destino te levou pra longe
E ela se cansou de esperar por mim.
Hoje nos sofremos calados
Cada um no seu dissabor
Loca pra ter-me em seus braços
Me busca nos braços do seu novo amor.

Nó somos dois passarinhos
Frente a frente me gaiolas iguais
Busco pra ela na outra tentando viver
Mas ninguém substitui você.

Play