Cesar e Alessandro

Nós Tá Que Bebe

Nóis ta que bebe, nóis ta que bebe.
Aqui bem sussegado.
Numa vida boa curtindo uns modão.
Nóis ta que bebe, nóis ta que bebe.
Mundão véi sem porteira.
Arrepia espora agüenta coração.

Nóis tamo igual rádio e televisão velha.
Nossa vida é sem controle, a cerveja administra.
Nós somos manso igual a um boi de pecuária.
Mulherada pó pegar, nós nunca some de vista.
O som do carro bate igual ao meu coração.
Tira gosto e uma latinha pra esquentar a paixão.
No meu rodeio, mulher tem que ser nervosa.
Bebo até ficar bonito pra domar uma gostosa.

Aoh Coice...
Vem em mim trem que pula, aoh trem bão.
Aoh Coice...
Vem em mim trem que pula, aoh trem bão.

Nóis ta que bebe, nóis ta que bebe.
Aqui bem sussegado.
Numa vida boa curtindo uns modão.
Nóis ta que bebe, nóis ta que bebe.
Mundão véi sem porteira.
Arrepia espora agüenta coração.

Play