Cesar e Alessandro

Eu Bebo É Pra Ficar

Eu bebo é pra ficar ruim, não saio mais do boteco,
Se fosse pra ficar bom eu tomava remédio.

Eu to zoado, to virado do avesso,
To na fossa reconheço, to no fim to acabado.
Por causa dela bebo o que tiver na mesa,
To entregue de bandeja, to morrendo apaixonado.

To na gandaia, to bebendo to chorando,
To perdido, to sem rumo, eu to feito um cão sem dono.
Depois de um fora, confesso que to no quimba,
Mas dor de cotovelo a gente cura é só na pinga.

Play