Cecéu Muniz

Coração Etílico

Desde criança aconselhado a trocar
Seu mais novo coração
Por outro orgão com outra função
Talvez um rim, um fígado, um cérebro
Ou quem sabe até um pulmão
Pra não se meter mais confusão

Pois no fim do dia essa complicação
Levaria seu peito aberto a leilão

Deixe em conserva, não no jogo na reserva
Deixe banhado em formol ou destilado
Deixe escondido atrás das caixas bem no fundo da cama
Use nas mangas como um truque contra aquele que...

Tanta censura na clausura é uma tortura
Grande demais pra aguentar
No caminho da voltar do bar
E as pernas cruzam e se recusam
Não sabem mais para onde ir
Não tem mais um belo motivo pra rir

Os bares fecharam, a cerveja acabou
Os cigarros queimaram, onde é que eu estou?

Deixe em conserva, não no jogo na reserva
Deixe banhado em formol ou destilado
Deixe escondido atrás das caixas bem no fundo da cama
Use nas mangas como um truque contra aquele que

Ama uma conversa boba
Um tempo fora ao lixo
Deem ao menino alguma diversão, ôoo

Play