Cascatinha e Inhana

Porta Na Cara

Com que razão
fechaste a porta
em minha cara?
Com que direito,
sem ter respeito,
me manda embora?
Amor sem alma,
tu és a causa
do meu sofrer;
Não compreendes
que assim termina
o meu viver.

Eu não sou nada
para julgar
teu proceder.
Mas não aceito,
pois não mereço
mais padecer.
Por teu amor
estou chorando
igual criança.
E humilhado,
me está faltando
enlouquecer.

Play