Carlos Galhardo

Valsa dos Quinze Anos

Minha filha,
Nesta data tão querida
Seja tua vida de aventura e paz
Minha filha,
Completando quinze anos
Desenganos não sintas, jamais

E os brinquedos
Que hoje ficam pra trás
Pobres desprezados
Que deixaste ao léu
Desejarão que Deus te dê ainda
Uma boneca linda
Que virá do céu

Play