Carlos Galhardo

Um Sorriso... Uma Frase... Uma Flor

Essa melodia doce e tão singela
Faz lembrar-me aquela tarde de verão
Em que, baixinho ao teu ouvido
Murmurei minha última canção

Desde aquele dia
Oh!, Quanta alegria
Sinto tudo a florescer
E no meu pensamento
Não te esqueço um só momento
Porque és a razão do meu viver

Um sorriso... Uma frase... Uma flor
De teu beijo em meus lábios, o calor
E cantei ao teu ouvido a canção
Que me deu todo o teu coração

Esse instante a minh'alma bendiz
Porque sou, meu amor, bem feliz
E assim se resume um romance de amor
Num sorriso, numa frase, numa flor

Play