Carlos Galhardo

Quem Vê Partir Um Grande Amor

Quem não sentiu ao menos uma vez na vida
Unidos contra os seus os lábios de mulher
Quem nunca viu rolar a lágrima sentida
Dos olhos de alguém há quem muito se quer

Quem disse adeus com os olhos rasos d'água
Sentindo o coração no beijo a soluçar
Talvez não compreendas a minha grande mágoa
E queira até sorrir quando me vê chorar

A vida é mais risonha quando o amor floresce
Um coração deserto e bastante infeliz
O amor é melodia doce como a prece
Que embala o coração e que o faz feliz

Mas eu que já gozei momentos de ventura
E tive um grande amor que depois que partiu
Transformei o meu peito numa sepultura
E nunca mais amei e não sei mais sorrir

Play