Carlos Galhardo

Mês de Maio

Maio dos noivos e das novenas
Maio dos lírios e dos missais
Maio das virgens, brancas e serenas
Maio dos sonhos, que não vem mais

Céus estrelados, doces luares
Beijos de aroma pelos rosais
Maio dos noivos que se vão aos pares
Num terno e doce enlevo
De almas tão iguais.

Bater de asas por sobre os mares
Sonhos de poeta, mãos divinais
Doces saudades dos meus cismares,
Num mês de maio, que não volta mais.

Play