Carlos Galhardo

Brinquei de Amor

Brinquei, brinquei de amor
E a recompensa foi todo o mal que me fez
Zombei, zombei do amor
E chorei ao chegar a minha vez
Brinquei, brinquei, mas no fogo do amor
O meu coração queimei

Envelhecendo na saudade mais pungente
Eu vou vivendo assim eternamente
Brinquei um dia com o fogo da paixão
Eu não sabia e queimei meu coração
Brinquei de amor

Play