Carlos Cezar e Cristiano

O Homem e a Natureza

Sobre chão de pedra e pó
longa estrada percorri
e cheguei para contar o que vi

Natureza eu me fiz
dos lugares de onde vim
vi cair muitas manhãs sobre mim

Como aquele pôr-do-sol
colorindo aquela flor
vi naquele azul do céu imenso amor

Vi naquele lago azul
que deixei lá para trás
na paisagem refletiu imensa paz.

Senti sombra refrescar
os meus rastros pelo chão
vi floresta colorir meu verão

E pras noites clarear
fiz da lua o meu farol
e de dia recebi o amigo sol

Mil estrelas vi brilhar
vi orvalho no capim
junto a estrada de meu sol que não tem fim

Se o mundo fosse assim
toda dor era menor
ia ser pro nosso ser....... bem melhor...

Play