Carlos e Allan

Mulher Brasileira

Ô mulher brasileira tão linda sereia
Vem cá me beijar
Rolando na areia eu sou o teu mar
Esqueça a tolha e vem se molhar
Sozinho eu fiz castelo de areia pra você morar
Um rei sem rainha não pode ficar
Mulher brasileira eu quero te amar
O verão me chamou
O calor ta no ar
É dinheiro no bolso
Cerveja na mesa
Mulher pra amar
Eu estava na praia
Curtindo areia, o sol e o mar
Quando de repente eu fui encontra
A deusa mais linda a me provocar
Paixão não tem hora
Não segue a razão, não tem como explicar
Tiramos a roupa á luz do luar
E o que eu fiz com ela não posso contar
Pele queimada o sol de verão
Mulheres desfilam nessa estação
Por todos os lados estão a mostrar
Coisas que um homem não pode agüentar.

Play