Carlito e Baduy

Vai Saudade, Vai

Vai saudade, vai; vai dizer àquela ingrata
Que eu vivendo longe dela esta saudade me mata.

Longe de você, meu bem não tenho felicidade
Meu coração está roxo de tanto sentir saudade;

Sem ela não sei viver, sem ela eu não sou ninguém
És a razão do meu ser, a mulher que quero bem.

Por ela sinto saudade, por ela sinto paixão
Só ela que amo tanto a dona do meu coração.

Eu espero que você um dia volte par mim
Não vivo sem teu amor, não vivo sem teus carinhos.

Play