Cae Kokubo

Se Perdendo na Memória

[estrofe I]
Encostada na parede
O frio sentido na pele
As mãos geladas, tremendo
Ela fechou os olhos
Esperando que as lembranças
Saíssem de sua memória

[pré-refrão]
Ela sabe que não
Não vai conseguir esquecer tão cedo

[refrão]
Deixou escapar
Deixou morrer
Seus sorrisos sinceros
Estão se perdendo na memória

[estrofe II]
Assim, por muito tempo
Parada, sentidos perdidos
Olhos apertados, cheios de lágrimas
Ela se esconde de si mesma
Esperando que sua alma
Saia de seu corpo

[ponte]
Não adianta correr
Não adianta se debater

[pré-refrão]
Ela sabe que não
Não vai conseguir esquecer tão cedo

[refrão]
Deixou escapar
Deixou morrer
Seus sorrisos sinceros
Estão se perdendo na memória