Cacique e Pajé

Carente de Amor

Assim que eu me casei eu tive a felicidade
Em arranjar um bom emprego numa industria da cidade
Recebendo todo apoio da minha cara metade
Alegrou o nosso ninho
Quando nasceu o filhinho pra nossa felicidade.

Todo dia pro trabalho muito cedo eu saia
Voltava pra minha casa só depois que escurecia
E naquele vai e vem o meu filho eu não via
Brincando me esperava
Mas o sono lhe apertava sem me ver ele dormia.

Um dia ele acordou antes do amanhecer
E me fez uma pergunta eu tive que responder
Para que trabalhar tanto, por favor vai me dizer;
Se é um bom operário
O valor do seu salário eu também quero saber.

Contei pra ele o valor do salário que ganhava
Que era para comprar o que a gente precisava
Começou pedir dinheiro o que podia eu dava
Ele pegava o trocadinho
E dentro de um cofrinho escondido ele guardava.

Certa vez disse papai me atende por favor
O preço do seu trabalho já consegui o valor
Comprou um dia por mês pra sentir o sue calor
Moramos no mesmo teto
Mais carinho e afeto não recebo do senhor.

Play