Cabeça De Alface

Zé Boquinha

Tem um dente só
Isso é de dar dó
Pobre boca sem dente
Sobe, desce - ascendente
Desce, sobe - descendente

Descende das bocas
Cujos dentes são de leite
Não são mais permanentes
São tidos como indigentes

São são são, assimilação
A língua no palato
A boca dá um trato
Tudo já sabia
O Zé Boquinha entendia

Gente desdentada
Na sociedade não enquadra
Dentadura se usa
Combinando com a blusa

Gente como a gente
Com sorriso abstrato
Range bem os dentes
Até dar um formato

São são são, assimilação
A língua no palato
A boca dá um trato
Tudo já sabia
O Zé Boquinha entendia







Play