Brenno Reis & Marco Viola

Chão de Vidro

Tava tudo certo,
tava tudo bem
E a minha felicidade era morar na cidade,
sem saudade de ninguém
Tava tudo lindo,
até o amanhecer
E quando amanhecia eu sorria e dizia: Sol muito prazer
Mas você com seu jeito bobinho,
chegou de mansinho fez me encantar
E agora eu nem sei onde eu piso,
meu chão é de vidro só sei flutuar
Se eu pudesse eu pedia pra você voltar,
pro lugar de onde veio com teu lindo olhar
E deixava eu aqui com minha bohemia,
fazendo poesia a te imaginar

Play