Bezerra da Silva

Ilha Grande

A massa reclama de quem sente
E de quem não sente também
Em um mundo tão distante
Onde ninguém é de ninguém

A massa reclama de quem sente...

Ilha grande osso duro de roer
Onde sofrendo filho chora e mãe não vê
Ilha grande osso duro de roer
Onde sofrendo filho chora e mãe não vê

Chora reclamando a saudade
Do lugar onde nasceu e se ciou, ah meu Deus do céu
Sabe lá o que é viver sem liberdade
Pagando o que nunca lá comprou, nunca lá comprou
Em um abrir, fechar de olho
Você pode um dia não amanhecer, vou dizer porquê
Num lugar em que a cruel sociedade
Construiu pra suas vítimas esconder

Ilha grande osso duro de roer...

A massa reclama de quem sente...
A massa reclama de quem sente...

Ilha grande osso duro de roer...

Chora reclamando a saudade...

Ilha grande osso duro de roer...
Ilha grande osso duro de roer...

Play