Bezerra da Silva

Bom Jesus de Nazareno

Senhor, bom jesus nazareno
Seu filho veio lhe pedir perdão
Aqui, de joelho na capela
Eu acendo a minha vela e peço a sua proteção

Quando encarcerado meu destino foi cruel
Dentro do meu peito o meu sangue virou fel
Estas palavras, provam minha quimera
Para viver entre serpentes precisei também ser fera

Play