Bezerra da Silva

Nunca Vi Ninguem da Dois Em Nada

"olha ae rapaziada da oposição
Não adianta porque eu continuo provando e comprovando minha versatilidade

Pra morar no morro tem que ter muita versatilidade
(pra morar no morro tem que ter muita versatilidade)
Ouvir muito e falar pouco ser ,bom malandro e ter muita amizade
Permanecer na lei que é de município,
E o proverbio que diz não sei de nada cada um trata de si
(e o proverbio que diz não sei de nada cada um trata de si)

E eu morei lá muito tempo
E sempre fui respeitado
Por trabalhadores e crianças, e pela malandragem considerado
Ate hoje quando chego sou tratado muito bem
Porque eu nunca vi ninguém da dois em nada e se de ta tudo bem
(nunca vi ninguém da dois em nada e se de ta tudo bem)

(pra morar no morro tem que ter muita versatilidade)
(pra morar no morro tem que ter muita versatilidade)
Ouvir muito e falar pouco ser ,bom malandro e ter muita amizade
Permanecer na lei que é de município, e o proverbio que diz não sei de nada cada um trata de si
(e o proverbio que diz não sei de nada cada um trata de si)

E eu morei la muito tempo
E sempre fui respeitado
Por trabalhadores e crianças e pela malandragem considerado
Ate hoje quando chego sou tratado muito bem
Porque eu nunca vi ninguém da dois em nada e se de ta tudo bem
(nunca vi ninguém da dois em nada e se de ta tudo bem)

(pra morar no morro tem que ter muita versatilidade)
(pra morar no morro tem que ter muita versatilidade)
Ouvir muito e falar pouco ser ,bom malandro e ter muita amizade
Permanecer na lei que é de município,
E o proverbio que diz não sei de nada cada um trata de si

(e o proverbio que diz não sei de nada cada um trata de si)
O proverbio que diz não sei de nada cada um trata de si "

Play