Betto e Freddo

O Caipira E A Roqueira

Sou violeiro, sertanejo, forrozeiro
Gosto de um modão.
De vez enquando vai um trago de cachaça
E na rodada de cerveja toco um violão.
Mas de repente caminhando pela rua
Encontrei uma gatinha doida de mais
Ela me olhou e meio que pintou um clima
Sei dizer que essa menina me tirou a paz.

Ela e tão diferente de mim
Camiseta escrita bad boy
Um cabelo ouriçado um jeitão bem largado
E um assunto que dói.
A verdade eu me apaixonei
Isso ela também não nega
O amor é cego, o amor é louco, o amor é brega.

Essa menina e roqueira
Só não pita e não chera
Mas tem o corpo tatuado
Tem pircing pra todo lado
No umbigo, na orelha, no nariz a coisa é feia
O trem é de fazer dó.
Essa menina e roqueira
É muito louca essa mina
Mas você quer vê ficar bacana e nos escutar nirvana e cair no forró.

Play