Belmonte e Amaraí

Ave Mensageira

Ave mensageira
Neneco Norton - Versão : Belmonte

Canto triste apaixonado igual ave prisioneira
Por que não me trás notícias oh! Pombinha mensageira
Canto triste apaixonado igual ave prisioneira
Por que não me trás notícias oh! Pombinha mensageira
Eu que sempre fui tão sincero já perdi toda a esperança
De tornar a ver aquela morena que não me manda lembrança
Eu que sempre fui tão sincero já perdi toda a esperança
De tornar a ver aquela morena que não me manda lembrança

É demais está ansiedade de rever minha querida
Para matar a saudade que eu carrego pela vida
É demais está ansiedade de rever minha querida
Para matar a saudade que eu carrego pela vida
Diga à ela por piedade que a amo loucamente
E que aqueles doces carinhos lembrarei eternamente
Diga à ela por piedade que a amo loucamente
E que aqueles doces carinhos lembrarei eternamente

Oh! Pombinha mensageira dê um fim no meu tormento
Vê se encontra aquela ingrata que esqueceu o juramento
Oh! Pombinha mensageira dê um fim no meu tormento
Vê se encontra aquela ingrata que esqueceu o juramento
E se ela tem novo amor, por favor, não me diga nada
Deixe eu vivendo nesta ilusão com a alma apaixonada
E se ela tem novo amor, por favor, não me diga nada
Deixe eu vivendo nesta ilusão com a alma apaixonada

Play