Banda Capital Urbana

Vida de Caboclo

Play

Vida de Caboclo Banda capital urbana
Compositor: Jonathan Lopes Amorim

Nascido numa fazenda do interior João de Nazaré
Era um menino mais conhecido da cidade
O melhor carpinteiro da cidade era José.
José pai de João foi viajar para Rio de Janeiro

E ele deixou a fazenda com seu filho João
José sempre falava que seu menino seria um guerreiro.
João foi até a praia ver tudo que ele viu na televisão.
Chegando lá encontrou uma linda menina que se chamava Madalena, João convidou ela para passear na fazenda
Madalena aceitou e eles foram, a vida de João começava
Chegando lá João ofereceu uma bebida para Madalena.
Eles dois passaram a noite toda conversando sobre a vida
Madalena disse que nasceu em Brasília
João disse que nasceu aqui na fazenda aqui era o seu lugar.

Então eles dois decidiram se encontrar
num parque da cidade que avia lá.

João foi a igreja pedir perdão por seus pecados
Mais João não sabia rezar
As sete horas do noticiário
João começou a pedir perdão para o padre no altar.

João e Madalena foram numa lanchonete
Lá Madalena reencontrou o seu avô
Enquanto isso João via as manchetes
Na televisão só passava discriminação e terror.

Aos doze anos João já sabia mentir
Aos quinze já sabia ser um carpinteiro
E aos vinte já sabia ser feliz.

João fez um filho em Madalena
Um filho nela ele fez
Nesse tempo João não tinha tempo pra cuidar de sua fazenda
Então ele deixou para segunda vez.

João tinha muita madeira pra cortar
Ele pensava que quando o seu filho nascesse seria um carpinteiro
João e Madalena decidiram viajar
Para Brasília ou para o Rio de Janeiro.

Eles compraram as passagens e foi direto para Brasília
Eles viajaram noite e dia
Chegando lá eles começaram a se divertir
Eles não tinham lugar para onde ir.

Madalena encontrou seu tio Eduardo
Eduardo era um professor
João achou meio estranho
Mais Eduardo era da classe de sua cor.

Eduardo falava línguas estrangeiras como:
Alemão, italiano, japonês e inglês.
Madalena foi fazer um cafezinho
João meio sem saber nada só sabia falar português

Messias um contrabandista fez planos para matar João
João mais esperto fez uma proposta
Eles se marcaram pelo telefone
João queria a sua resposta
João começou a botar a sua vida adiante.

João começou a enfrentar a fome
Com o seu dinheiro não dava para se alimentar
Sua vida era honestamente
Com essa proposta ele começou a acreditar.

O tempo passa e João ansioso para começar
Messias não foi ao encontro
As gotas de suor começaram a sujar
Messias falava para João que não teve como.

De repente o Messias faz uma proposta para João
Para ele ir a São Paulo
Então João foi direto para São Paulo e ele via coisas bonitas que ele nunca viu na televisão
Enquanto isso Madalena ficava em Brasília com o seu tio Eduardo.

Messias falava para seus amigos que o João
Iria para o inferno
Chegando em São Paulo João via muita discriminação
Ele via muita violência e ele não tinha um protetor.

O sonho dele era ver um mudo novo
Ele queria o ouro
Ele se lembrava quando era criança pensava em ser bandido
Ele queria o vicio mais não o perigo.

Messias mandou três bandidos para ir atrás de João
Eduardo tio de Madalena era o chefe da tropa
Algum tempo João descobriu que avia um ladrão
Messias queria briga e droga.

Madalena deu uma arma para João se defender
Enquanto isso no Rio de Janeiro seu pai queria saber
O que estava acontecendo com João
João com a arma que a Madalena te deu começou a usar

Messias o traidor o bandido queria matar a Madalena
Então Messias marcou um duelo com João num outro lugar
João lembrou do pai, da mãe, da Madalena e da sua fazenda.

Eles marcaram as sete horas da noite
Cada um de cada lado
Mais antes de começar eles conversaram bastante
Os reportes viam filmar o duelo

Os amigos de Messias iam para assistir
As pessoas começavam a aplaudir
Messias com essa luta queria se divertir
A luta começou do começo e tinha que chegar ao fim.

João deu cinco tiros no contrabandista Messias
Todos traficantes foram presos e pro inferno eles foram
João e Madalena decidiram celebrar
Com o filho que eles tinham decidiram comemorar

Eduardo voltou para a sua cidade natal
O presidente de sua cidade iria te ajudar
João e Madalena pegaram um ônibus no Planalto Central
Lá João e Madalena começaram a trabalhar

João voltou para a sua fazenda
Com a sua esposa Madalena
João voltou a ser carpinteiro
Seu pai e sua mãe voltaram do Rio de Janeiro.

João conheceu um boiadeiro
E com o boiadeiro ele começou a falar
E esse boiadeiro foi na festa de rock pra ser um roqueiro
O boiadeiro entrou na dança e começou a dançar

João e Madalena construíram uma casa perto da fazenda
João com o seu dinheiro de trabalhador foi a cidade gastar
Ele sentiu o sangue na garganta e com a Madalena
João queria se casar.
João prometeu para Madalena que ele iria melhorar

Por que ele reconheceu que tinha outra pessoa em seu lugar
Mais ele queria uma noite de luar
E com o coração ele começou a perdoar.
Alguns tempos ele melhorou
Mais vida de caboclo é difícil de viver
Com a Madalena ele se casou
E com o ódio no sangue João de Nazaré queria morrer...

E com o olhar maldito de Messias João começou a sofrer
João lembrou das coisas que via na TV
E com o presidente da cidade o caminho de João começou a APARECER.