Banda Bálsamo

Bálsamo

Play

Estendo para Ti minhas mãos a minha alma tem sede de
Ti Senhor
Como terra sedenta
Como criança nos braços do pai eu confio em
Ti e necessito da Tua presença

Oh! Senhor então escute o meu clamor
Eu vou na contra mão do mundo
Porque Tu estás na direção

Derrama o Teu bálsamo e cura as minhas feridas
Das estradas desta vida
Porque não há vitória sem as lutas
Não há estrada sem as curvas
Não há vazio que não possa ser preenchido.

Oh! Senhor então escute o meu clamor
Eu vou na contra mão do mundo
Porque Tu estás na direção

Pode vir vento, fúria, tempestade
Que eu não desisto de Ti (Senhor)
Pode vir vento, fúria, tempestade
Minha casa está firmada na rocha

Por que o Senhor é o socorro presente na angústia