Airo e Ruan

Brisa da Noite

Parecia ser um sonho
Noite calma, primavera
E o brilho das estrelas
Refletia na janela
Na brisa da noite
Murmurava o nome dela

No silêncio do meu quarto
Coração em desespero
Sufocado de desejo
Ainda sinto seu cheiro
Na cama, saudade
Abraço o travesseiro

E ela não vem
Então eu me pergunto
Porque solidão?
O telefone toca
acelera o coração
Mas o alo me surpreende
Foi engano a ligação

E ela não vem, não vem
E ela não vem, não vem

Play