Adriano e Anderson

Temporal Em Mim

Eu não sei
Por quanto tempo eu fiquei aqui
A noite foi embora, eu não durmir
Trancado no meu carro com a Solidão

So lembrei agora de apagar os faróis
Amanheceu e eu estou pensand em nós
Com essa tempestade no meu coração

Pelo vidro embaçado
O seu rosto estampado
Misturava chuva e sol
Com o para-brisas

Assim desenho o seu nome
E a saudade me consome
E uma lágrima molha o peito
Da minha camisa

Maldita hora
Que deixei você sair
Não pensei que ia sumir
Numa imagem distorcida no retrovisor

Meu peito Chora
Nessa angustia sem você
Não desliga vem me ver
Sabe o quanto eu preciso desse nosso amor

Posso ver que a chuva já parou enfim
Mais continuna esse temporal em mim

Play